Anjos

 

gratidao-vi

“Tudo é uma questão de manter a mente quieta, a espinha ereta e um coração tranquilo.”
Leila Pinheiro

Ao longo da vida a gente assume vários papeis, mas para mim nenhum mais intenso, forte, prazeroso e sofrido quanto o de ser mãe.

Quem dera ter um manual de procedimentos que nos ensinasse como conduzi-los. Seria uma dádiva, principalmente pra mim que nunca me senti preparada para tal missão. Deparei-me com situações que nunca imaginei viver ou sentir.

Fiquei perdida, procurando um caminho, uma luz que me mostrasse uma direção. Muitas vezes pensava que o criador tinha colocado em minha vida duas criaturinhas especiais para eu conduzir por um determinado tempo, mas, tinha esquecido de mostrar como fazer ou se me mostrou, estava aflita o bastante para entender. Achava que os meus dois presentes mereciam uma mãe mais determinada, firme e ao mesmo tempo paciente e carinhosa para que através do amor e compreensão, pudesse ajudá-los a superar suas dificuldades e limitações.

Sou pura emoção e me deixo envolver com as dores deles facilmente, ao ponto de transformar suas dores, angustias, necessidades em minhas, e sofrer mais que eles assumindo tudo para mim.

Precisei sair um pouco de cena e buscar ajuda. Sentia-me perdida e só.

Para aliviar minha dor e aflição busquei ajuda com a família, profissionais e também com amigos. Às vezes me sentia um tanto constrangida em meio a muitas lágrimas que não conseguia segurar, só de pensar na dor deles. Sofria até mais que eles. Desnudei-me, com toda humildade que só uma mãe é capaz de fazer por um filho.

Hoje senti uma vontade imensa de agradecer a todas essas pessoas, que me acolheu com carinho em momentos difíceis, aliviando minha dor, angústia e o meu desespero de mãe.
Trago em minha mente uma frase que um deles me disse e que um dia alguém havia lhe dito: “Não queira que seu filho seja seu cartão postal”.

Acredito que o criador teve um propósito ao colocar essas “criaturinhas” para eu conduzir por certo tempo. Prova disso é que hoje percebo que ele teve o cuidado de me cercar de Anjos para me mostrar que sempre tem uma saída, que no fundo do túnel há uma luz e que não estou sozinha nessa caminhada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s