Algumas certezas

algumas verdades

Trago comigo alguns pensamentos que acredito serem verdadeiros e faço deles minhas verdades.

“Não permita que o comportamento dos outros tire sua paz. A paz vem de dentro de você. Não procure a sua volta”. (Buda)
Não é o outro que me machuca e me magoa, e sim eu que permito, com minhas crenças, meus pensamentos e medos que o outro me atinja;

“A vida começa onde o medo termina”. (Osho)
Não permito que o medo seja mais forte que minha vontade. Considero-me uma pessoa medrosa, mas, não permito que este me paralise. Tremo diante de situações difíceis, sinto faltar o ar, mas não recuo. Minhas orações e a fé que carrego é a certeza que posso ir adiante.

“Quando nós não somos mais capazes de mudar uma situação, nós então somos desafiados a mudar a nós mesmo”. (Viktor E. Franci)
Há situações que não posso mudar e ficar batendo de frente só causa dor e sofrimento, assim meu desafio é mudar a mim mesma.

“Viva para surpreender a si mesmo não ao outro”
Durante muito tempo me preocupei com a opinião das pessoas e queria muito agradá-las para ser aprovada e querida como alguém prestativa, compreensiva, que estava sempre disposta a ajudar. Minha insegurança era tamanha que necessitava dessa aprovação. Quanto mais me doava, percebia que além de não agradar estava me desagradando. Até o dia que compreendi que o outro é importante na minha vida, mas, não mais que eu.

“A prioridade é ser feliz e não perfeito”
Quando desisti de querer agradar a todos e me agradar, encontrei a felicidade.

 

Recomeçar

 

Não sei o que fazer
Nem o que pensar
Muito menos por onde começar
Tanta pressa em viver
Tanta coisa para realizar
E a cabeça não para de girar

Grito, mas ninguém me escuta.
Corro, mas minhas pernas não saem do lugar
Movimento meu corpo, mas ele não se mexe
Estou em meio a uma multidão sofrendo de solidão

Estou zonza
Tudo roda, grita na mina mente
Preciso me achar
Para poder recomeçar